segunda-feira, 10 de abril de 2017

SEM RESERVAS

(Foto: Divulgação)
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro arrancou risos e espantos inconformados com sua sentença aos quilombolas

Jair Bolsonaro jogou pesado e até arrancou risadas (e uma ação do MPF), desta vez ao dizer que negros descendentes de quilombolas não deverão ter reservas de terras em seu virtual governo a partir de 2018. Descendentes quilombolas (os pretos), assim como os sulistas (os brancos), formam comunidades de alto valor cultural por manterem costumes seculares. A raça e a tradição dessas pessoas são passadas de pais para filhos da forma como foram concebidas no país de origem e antes da imigração para o Brasil. Será que o virtual presidente Bolsonaro vai conseguir mudar a mentalidade de berço africano dos quilombolas dizendo que eles terão de trabalhar duro como todo bom brasileiro pagador de impostos?   

Nenhum comentário:

Postar um comentário