segunda-feira, 10 de abril de 2017

MARCELO ENTREGA

(Foto: Divulgação)
Lula está tendo sua castidade moral questionada na deleção da Odebrecht 

Parece que o homem mais honesto do Brasil e até mais que o Papa está sendo acusando de ter recebido R$ 13 milhões em propina. E o melhor: em especie, ou seja, em notas vivas. O senhor Luiz Inácio Lula da Silva, o homem dos 13, está sendo delatado por Marcelo Odebrecht como sendo o codinome “amigo” na planilha da propina e de ter levado esse montante dividido em seis parcelas entre 2012 e 2013 como parte das artimanhas para beneficiar a construtora em obras como os estádios da Copa do Mundo, as adequações para as Olimpíadas no Rio de Janeiro, dentre outras no Brasil e no exterior. Lula, claro, como bom samaritano e candidato à canonização, nega tudo.    

Nenhum comentário:

Postar um comentário