SARNEY PENSA SÁRIO: SAI NEY!
(SE CLICAR A IMAGEM AMPLIA)
A batata do durão presidente do senado José Sarney só vai assando. O PSOL protocolou nova representação contra ele. Os senadores Arthur Virgílio e Cristovam Buarque anunciam mais duas denúncias. O PSBD protocolou três representações. Até essa quarta-feira, 29 de julho, o Conselho de Ética do Senado Federal reunia 11 acusações formais contra o presidente da casa. Sarney foi acusado de contratar funcionária fantasma (Gabriela Aragão Guimarães Mendes) e divulgou nota negando o "fantasma" e dando sua explicação. A mais nova acusação do PSOL defende que o Conselho de Ética da Casa investigue denúncia de que Sarney omitiu da Justiça Eleitoral uma propriedade de R$ 4 milhões, além da acusação de que o parlamentar teria participado do desvio de R$ 500 mil da Fundação José Sarney. Até quando o presidente Lula vai segurar esse abacaxi?

Nenhum comentário:

Postar um comentário