sábado, 3 de janeiro de 2015

Extintores veicular ABC e o bê-a-bá do mercado



    A resolução 157 do Conselho Nacional de Trânsito-CONTRAN, de extintores de incêndio veicular, já é antiga, desde 22/04/2004, mesmo assim, até hoje os condutores estão despreparados. O prazo final foi dia 31 de dezembro de 2014, só que poucos são os que fizeram a troca. Nem mesmo o mercado está preparado para atender a demanda por esse item de segurança. Resultado: vai ter de se adiar os autos de infrações, por, pelo menos, um mês. Mas dependendo, pode-se adiar até mais. As fábricas de extintores terão de aumentar e acelerar suas produções, enquanto isso, a busca nas lojas especializadas será intensa.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Dom., 04/01/2014, 20h40min -
Em entrevista à programa de rádio, o segundo da linha de comando da 1ª Delegacia da PRF em Jataí, inspetor Jackson, disse que, infelizmente, não vai haver liberação para ninguém que for pego sem o extintor ABC e terá de multar sim. O motivo, para ele, seria que a resolução não é nova e que o brasileiro deixou para trocar só agora na última hora. São R$ 127,69 de multa e mais cinco pontos de infração na CNH.

DETALHES:
-Muita gente está criticando a situação dizendo que isso pode ser uma jogada para aproveitar da cultura comodista do brasileiro: deixa-se vencer o prazo, ninguém faz campanhas na mídia alertando, as lojas de extintores seguram as mercadorias para aumentar muito o preço depois e muita gente vai acabar ganhando com isso.

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________




__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


Polícia realiza ação surpresa na noite da sexta-feira


     Atendendo a clamor popular, as forças policiais de Jataí resolveram, em conjunto, realizar uma Ação especial na noite dessa sexta-feira, 2. Saindo da porta do complexo de delegacias, na praça Professor Maromba, um comboio formado por viaturas da Polícia Militar e Polícia Civil, percorreu vários bairros da periferia em uma batida surpresa. Composto por vários agentes e delegado, o comboio formou barreiras em alguns pontos estratégicos e abordou várias pessoas, principalmente, condutores de carros e motos. O objetivo era averiguar situação de documentação e apreender possíveis armas de fogo ou entorpecentes. Falando à imprensa, o delegado titular da 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil, André Fernandes, que esteve à frente da Ação, disse que, com isso, a polícia deu uma resposta às reclamações da população local que vem sendo vítima de constantes assaltos e furtos e também porque há um sentimento de comoção depois do crime do comerciante “Chalana”, ocorrido na noite do dia 1º. Revelou, também, que essa seria uma atitude mais enérgica que poderá se repetir várias vezes este ano.

DETALHES:
-A polícia apelidou a Ação de "Operação Contra o Crime".
-A ação girou e se desdobrou para outros lugares além dos pontos estratégicos na periferia. No giro, algumas prisões e apreensões foram feiras.
-Em uma residência foi feita a prisão de Érica Vieira Moraes e a apreensão de um menor de 16 anos. Vários objetos provenientes de furtos, que estavam com os dois, foram recuperados, dentre eles uma moto de luxo.

EXTENSA NOTA DA SUBSEÇÃO DA OAB
A Subseção da OAB de Jataí, através de sua presidenta, Dra. Simone Oliveira Gomes, postou uma extensa nota no perfil do facebook comentando e detalhando tudo o que já foi feito em termos de audiência pública para se discutir melhorias na Segurança Pública da cidade.
A NOTA OFICIAL pode ser conferida no link.

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Mais um crime de assassinato em 2015


    O crime foi registrado pela Polícia Militar no início da tarde deste sábado, 3, na Rua do Bosque, nº 455, bairro Jardim da Liberdade, na região vulgarmente conhecida como “Morro do Papagaio”. A vítima, Maxwell Filgueira Ribeiro, que residia anexa a um bar, estava ali jogando sinuca com o proprietário quando um elemento já conhecido do dono por anteriores relações conjugais, chegou, observou, pediu uma pinga e bebeu. Depois perguntou: “tem banheiro?” e pediu para usar. Quando voltou, se aproximou da mesa de sinuca, girou em sua volta e, sem qualquer discussão ou briga, sacou de uma arma da cintura e efetuou vários disparos contra Maxwell. O atirado teria saído correndo à rua e fugido a pé dobrando a esquina. A vítima cambaleou, mas, mesmo assim, reuniu suas últimas forças, correu para dentro de um dos quartos da casa e voltou caindo na sala e, sangrando muito, não mais se levantou. O dono do bar disse que ainda tentou acudir, mas não adiantou. A vítima era ex-presidiária e havia sido liberada do cárcere cerca de um mês antes.

    Acionada, a PM chegou, constatou o óbito da vítima, isolou a área até a chegada da perícia e tentou identificar o nome do autor como sendo "Andinho" ou "Landislau". Foram feitos patrulhamentos em sua busca. A partir daí, remeteu-se o caso para o delegado civil de plantão, Dr. Aguinaldo Coelho, que foi até o local para que se iniciassem as investigações.

    Com o objetivo de tentar descobrir quais os motivos levaram a esse crime, o polícia jataiense inicia o novo ano computando três crimes de assassinato, sendo que os dois primeiros foram os do “Chalana” no bairro Jardim Rio Claro e de um de seus assaltantes que, por coincidência, também residia no chamado “Morro do Papagaio”.

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Registrada ocorrência de assalto ao posto Rio Claro

    Ocorrência teria sido registrada às 21h40min do sábado, 3 de janeiro de 2015, na noite seguinte à Ação especial das forças policiais de Jataí. O auto posto Rio Claro, da franquia Ipiranga e das lojas de conveniência AM PM, localizado na Rua Salgado Filho com Rua Samuel Grahan, bairro Planalto, na parte alta da cidade, teria sido assaltado. Um elemento de capacete na cabeça teria chegado para dois frentistas e, de posse de um revólver, anunciado um assalto. Apontando a arma para a cabeça de um deles, o assaltante teria obrigado-os a entregar todo os valores que dispunham. Em seguida, o criminoso teria levado-os para a loja de conveniência e, continuando a ameaça, obrigado o atendente a passar todo o dinheiro do caixa. Na sequência, saiu rapidamente. Um segundo elemento o aguardava em um tipo de veículo que não foi identificado com precisão, provavelmente uma moto. A PM, em viaturas, fez patrulhamentos.

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


PRIMEIRO TORNEIO – Começou o primeiro torneio de futebol amador em Jataí. Chamada de Taça de Futebol Jataí 120 Anos, a competição reúne oito equipes locais e abre o calendário de promoções esportivas na cidade. O torneio se desenrolará durante todo este mês de janeiro de 2015 com jogos aos finais de semana. Na segunda-feira, 5, a noite, também acontecerá a abertura dessa mesma competição, só que na categoria de futsal na ginásio JK, popular Tatuzão.

RESULTADOS - Os placares desta sábado, 3, dos dois jogos de abertura da Taça de Futebol Jataí 120 Anos foram os seguintes: Coringa FC 2x2 Estofados Sinai e Ousadia FC 1x3 Rema Veículos/Pax Santa Fé. As partidas aconteceram no campo Alfredo Gori.

CHUVA NA CIDADE - Chuvas na tarde deste sábado, 3, em toda a cidade. Antes das 17 h, uma ventania já anunciava a tempestade que estava por vir, minutos depois o tempo fechou e caiu muita água.